Caravana das Margaridas em MG

FOI 8

A Fetaemg, por meio da Comissão Estadual de Mulheres Trabalhadoras Rurais de MG - CEMTR, realizou nos dias 18 e 19 de agosto, em Belo Horizonte, o encontro Diálogos Pedagógicos sobre Segurança Alimentar e Agroecologia na Perspectiva das Mulheres- “Caravana das Margaridas”- MG. 

A iniciativa tem o objetivo de fortalecer as estratégias de construção da Marcha das Margaridas que acontecerá em 2023, centradas nos processos formativos de mobilização e multiplicação criativa de base protagonizados pelas mulheres do campo, florestas e águas, orientados por eixos estratégicos do Desenvolvimento Rural Sustentável, Saudável e Solidário, Soberania Alimentar e Agroecologia, sendo resultado da parceria entre as Federações, o SENAR e a CONTAG.

A Marcha das Margaridas é uma ação coletiva, que visa construir um projeto para sociedade brasileira sem violência, onde a democracia e a soberania popular das mulheres sejam respeitadas, a partir de relações justas e igualitárias.

Com o tema: Enfrentamento à Violência contra a Mulher - A importância de Assegurar a Lei Maria da Penha para as Mulheres Rurais, ministrada pela Promotora de Justiça, Dra. Patrícia Habkouk, estiveram entre os temas abordados no encontro.

A coordenadora Estadual de Mulheres Trabalhadoras Rurais de Minas Gerais, Alaíde Bageto, destaca estarmos diante de um ano diferenciado, em que, além da tradicional luta, a sociedade vive uma ano em que terá que escolher seus representantes na esfera do executivo e legislativo, estadual e federal, devendo a categoria ter atenção e escolher com base em critérios objetivos. “Ou escolhermos corretamente nossos representantes ou podemos sofrer sérias consequências nos próximos anos,” pontua Alaide.

#mulheresdeluta

0
0
0
s2sdefault