Conjuntura política que fere os Direitos dos trabalhadores e resistência em debate nas assembleias por todo Estado

ASSEMBLEIAS

Discutir e deliberar assuntos de interesse da Classe Trabalhadora Rural, durante às assembleias ordinárias e extraordinárias dos STTR’s, também é resistir e lutar. O contexto político da atualidade que tanto nos retira Direitos precisa ser combatido, assim, a Federação se faz presente nessas oportunidades e estará sempre à disposição para lutar em defesa do homem e da mulher do Campo e atuar junto aos sindicatos no que for necessário.   

A sustentabilidade do Movimento Sindical e o seu papel enquanto referência de resistência está em jogo e orienta grande parte dos trabalhos durante as assembleias. Afinal, o Governo mantem suas investidas para enfraquecer toda e qualquer resistência e é consenso que essas maldades, em especial a Reforma da Previdência, voltarão a pauta do Congresso após as eleições e é preciso estarmos preparados, unidos, organizados, informados e fortes para contra-atacar. 

O retrocesso patrocinado pelo atual Governo nos impôs a condição de escolher: aceitar uma perda continuada de Direitos ou enfrentar com todos os meios possíveis toda e qualquer arbitrariedade, decidimos resistir. A atuação da Fetaemg nas assembleias significa fortalecer a Base para os desafios que a todo tempo são anunciados.   

A Fetaemg luta para que o homem e a mulher do campo tenham acesso às políticas públicas, como Reforma agrária, saúde, habitação, educação, linhas de créditos bancários, entre outros e por isso é fundamental manter a força do Movimento Sindical, trata-se de uma sustentabilidade pelo Coletivo.

Somente através da luta dos sindicatos é possível construir uma relação direta com o poder público para reivindicar que não haja retrocesso nos direitos trabalhistas, previdenciários, e nos orçamentos do governo federal, estadual e municipal, destinados ao meio rural e tantas outras reivindicações e esse é o nosso papel.

A Fetaemg esteve presente dos últimos dias, por meio dos seus diretores e assessores, nas seguintes assembleias nos últimos dias:


STTR de lagoa dos Patos - Assembleia de Prestação de Contas

- Quando: Em 09 de junho
- Representou a Fetaemg: a coordenadora Estadual de Jovens Trabalhadores Rurais da Federação Marilene Faustino;
- Foi criada na oportunidade a Comissão de Mulheres;
- Presidente do Sindicato: Nazaré da Glória

STTR de Riacho dos Machados - Assembleia de Prestação de Contas

-  Quando: Em 09 de junho

- Representou a Fetaemg: a coordenadora Estadual de Jovens Trabalhadores Rurais da Federação, Marilene Faustino, esteve presente ainda, a coordenadora regional das mulheres Eliane Souto

- Presidente do Sindicato: Joelza Brito 

STTR de Desterro do Melo - Assembleia de Prestação de Contas

- Quando: Em 10 de junho

- Representou a Fetaemg: o assessor da Federação Pedro Campara

- Presidente do Sindicato: João Inocêncio Filho 

STTR de Jequeri – Assembleia para escolha da Comissão Eleitoral

- Quando: Em 08 de junho

- Representou a Fetaemg: o assessor da Federação Pedro Campara

- Presidente do Sindicato: Roseli Dias Ferreira da Silveira

  

STTR de Urucuia – Assembleia para autorização do desconto da contribuição sindical rural

- Quando: Em 09 de junho
- Representou a Fetaemg: o assessor da Fetaemg Adenilson Francisco
- Presidente do Sindicato: Maicon Vicente de Souza 

STTR de Carmo da Mata – Assembleia para autorização do desconto da contribuição sindical rural
- Quando: Em 09 de junho

- Representou a Fetaemg: o diretor do polo Noroeste, Wilson Caetano Martins Melo, o assessor da Fetaemg Adnilson Francisco e a assessora jurídica do polo 

- Presidente do Sindicato: Maria Helena 

 

Sempre foi e será luta da Fetaemg

A Fetaemg atua na defesa dos acampados e assentados da reforma agrária, agricultores familiares, assalariados rurais, meeiros, arrendatários, mulheres, jovens e terceira idade e todos estes são prejudicados e sofrem as investidas sofridas com a atual perda de Direitos.

  

A luta vai continuar!

 

 

 

0
0
0
s2sdefault