Curso de Formação Política Sindical do Leste do Rio Doce termina com muita empolgação e desejo de lutar por mudanças no atual cenário político do país

asd 1
asd 37
asd 37

 

Dezenas de dirigentes e assessores sindicais participaram entre os dias 05 e 07 de dezembro, no Leste do Rio Doce – Manhuaçu, do curso regional de Formação Política Sindical da Fetaemg. A Formação foi ministrada pela professora, formadora e dirigente do Centro Nacional Estudos Sindicais e do Trabalho (CES), Kátia Gaivoto e pela formadora e assessora da Fetaemg, Shirley Mara Ramos, com a colaboração da formadora e assessora de formação da Federação, Josefina Baetens. Os eixos temáticos foram: Concepções Sindicais; Trabalho e Trabalhadores; História de Luta no Campo e Organização Sindical.

O Curso contou com apoio e participação do vice-presidente em exercício da Fetaemg, Paulo da Natividade Silva, do diretor do polo da Fetaemg na região, Felipe Rodrigues Filho e do presidente da Fetaemg, Vilson Luiz da Silva, que é entusiasta e defensor da Formação política Sindical. O presidente Vilson contribuiu e encerrou as atividades fazendo uma análise da conjuntura política nacional e abordou o papel do Movimento Sindical diante das graves ameaças impostas pelo atual Governo aos trabalhadores e trabalhadoras, do Campo e da Cidade.

“O ano está se findando e não temos motivos para festas, a Formação aqui ministrada é de extrema importância para que os trabalhadores e trabalhadoras rurais compreendam a importância e a força do Movimento Sindical nas lutas da categoria pela manutenção dos nossos direitos”, destaca o presidente da Fetaemg, que na oportunidade convocou a todos e todas a participarem do Grande ato da FETAEMG, a ser realizado no dia 11 de dezembro na capital mineira.

A formadora Kátia Gaivoto destacou a participação de todos e todas “tive o grande prazer de conviver com esses sindicalistas e assessores que participaram, interviram, contribuíram, fazendo desse momento de formação, um momento de muita troca de aprendizado. ”

A cada curso que a Federação realiza é perceptível a participação destes nas atividades da entidade. Assim como, a melhoria em suas intervenções e o quanto se faz necessário compreender a luta de classe.

0
0
0
s2sdefault